MAGODALUZ

Casa da Luz
Cursos
Agenda
Atendimentos Gratuitos
Indicador Profissional


Fraternidade Branca
Mestres Ascensionados
Implantes
Cromoterapia
Chakras
Dimensões de Consciência
Manual para Ascensão
Corpo de Luz
O Rosto do Anjo
Kryon
O Caibalion
Atlantida
Crianças Índigo
Elementais da Natureza
Crianças Cristal
Mantras
Deixem ir o Controle 1

TOBIAS E O CONSELHO CARMESIM
Círculo Carmesim, 7 de maio de 2005 - Série da Incorporação
SHOUD 10: “Deixem ir o Controle"

www.crimsoncircle.com

E assim é, queridos Shaumbra, que nos reunimos nesta sala de aula da Nova Energia. Eu Sou Tobías... vocês são Shaumbra... e nós todos somos família. São tempos maravilhosos os que vocês estão vivendo e que compartilhamos com vocês – é um tempo de finalização, um tempo de caminhos totalmente novos que estão sendo abertos, dimensões totalmente novas. E inclusive a palavra "dimensões" nem sequer serve para o que verdadeiramente está acontecendo.

Recentemente falamos a um grupo de Shaumbras a respeito do Terceiro Círculo se abrindo. O Primeiro Círculo, é obvio, foi o lar, a energia do Reino, Tudo O Que É. O Segundo Círculo foi tudo o que se achava fora do Lar, a existência, a realidade em que vocês têm se encontrado sempre desde que cruzaram a Muralha de Fogo, foram ao Vazio e começaram a criar.

Agora, vocês se acham bem na beira da finalização desse ciclo. A Nova Terra de que falamos há uma semana atrás é uma indicação disso. A Nova Terra não poderia ser construída; nem sequer poderia ser concebida, se não fosse o momento apropriado. Há tantas perguntas a respeito da Nova Terra, onde se encontra... como está avançando... quem pode ir para lá?. Mas, nada disto seria possível, Shaumbra, se vocês não estivessem no ponto certo, agora mesmo de completar o Segundo Círculo.

"O que é o Segundo Círculo?" perguntam vocês. É tudo o que se acha fora do Lar. É seu playground. É onde vocês estão aprendendo a ser Criadores. É o treino da nave-Criadora. È isso que vocês estiveram fazendo. Vocês estiveram aprendendo como ser Criadores. Vocês têm feito isso de varias maneiras, multidimensionais.

Por isso, vocês chegaram à terra, e vocês fazem isso aqui nesta realidade muito crua e muito limitada, que é seu último passo e sua última parada antes de seguir avançando, antes de avançar ao Terceiro Círculo. As palavras nem sequer podem fazer justiça, Shaumbra, ao tratar de descrever o Terceiro Círculo. Simplesmente deixe-nos dizer a vocês que é um lugar que está cheio de Criadores... cheio de Criadores sem limitações, sem restrições... cheio de Criadores, que vocês sempre consideraram como capacidades, as habilidades do Espírito mesmo... cheio de Criadores, quando não se acham limitados à dimensão alguma, a nenhum tipo de realidade específica. Nós vamos pedir a vocês que sintam isso através do coração, não da mente.

Mas, vocês se encontram agora neste ponto da evolução da humanidade, na conclusão da Ordem do Arco, onde chegou o momento para ir mais longe enquanto ainda se encontram aqui na Terra... ainda aqui nestes corpos humanos... ainda atravessando este maravilhoso, às vezes frustrante processo do despertar... Vocês estão fazendo tantas coisas para abrir as portas para outros, para ajudar a outros liberarem suas energias.

Às vezes vocês se questionam porquê é tão difícil. Vocês nos dizem, "Tobias, Saint Germain, Kuthumi e Ohamah, porquê é que é tão difícil às vezes?"

Novamente, é porque vocês são os primeiros que estão atravessando isto. Vocês estão abrindo o caminho. As energias são as mais difíceis, embora sejam as mais excitantes.

De fato, os tempos em que agora mesmo estão vivendo são tão excitantes. E, possivelmente vocês dizem, "Mas, Tobias, como você pode ler um jornal ou ouvir a televisão e dizer que os tempos são excitantes? Há violência. Há tristeza na Terra. Há guerras. Há pobreza”. E nós dizemos a vocês, Shaumbra, é um tempo excitante porque todos estes também se encontram em um processo de mudança. Todos eles são apropriados, mas estão mudando, porque a consciência humana está começando a se dar conta de que as guerras não resolvem nada. A consciência humana está começando a se dar conta que a auto-imposta pobreza não resolve nada. As enfermidades não resolvem nada.

Atualmente há uma massiva mudança na Terra. O que vocês lêem em seus jornais e vêem em suas notícias são os restantes... as porções dramáticas... sim, as mais difíceis. Mas, nós vamos lhes pedir que por um momento sintam em todas as direções da Terra a consciência da humanidade. Está mudando. Está mobilizando algumas das Velhas maneiras. Está jogando-as fora. Está cansada de seu próprio sofrimento. Que foi de outra época, de outra encarnação. Está cansada das limitações da natureza humana. Está cansada das pessoas que tentam roubar ao outro, tomar suas energias. Está cansada de ir sempre para o lado de fora para procurar respostas. Está aprendendo a ir para o seu interior.

Leiam nas entrelinhas, Shaumbra, o que realmente está acontecendo na Terra neste momento. Ultrapassem as manchetes. Falem com outros humanos. Sintam o que há em seu coração. Quando saem de sua mente e entram nesse coração divino, nessa energia divina, vão começar a se dar conta de que neste momento há uma tremenda, tremenda mudança na Terra. Atualmente há milhões e milhões de humanos em todo mundo que estão ansiando passar pelo processo do despertar, de aprender. Eles não sabem por onde começar. Isso é o que temos dito a vocês com antecedência. Vocês são aqueles que têm que ser os professores.

Shaumbra, neste tempo da sua conclusão... o tempo no qual a Terra está chegando no seu verdadeiro último ciclo antes do salto quântico... antes de um tipo de rachadura total da consciência para permitir uma reintegração... neste exato momento antes do salto quântico, é um tempo onde vocês têm passado por muitos dos seus processos. Vocês estão aprendendo como liberar. Vocês estão aprendendo como incorporar... e que pode parecer uma contradição, mas totalmente apropriado um com o outro.

À medida que incorporam, vocês aceitam tudo sem temor. Vocês trazem isso para dentro. Vocês amam isso... tudo o que tem que a ver com vocês mesmos... tudo sobre seu passado... tudo à respeito de suas vidas passadas... suas vidas passadas ancestrais... suas vidas passadas como sementes estelares. Vocês estão trazendo tudo isto para dentro, incorporando. Vocês as saúdam de volta à este momento precioso, sagrado do Agora. Vocês têm esta incrível reunião de família, esta festa no Agora. Uma a uma elas estão chegando. Seus aspectos do passado estão fazendo fila no seu Agora. Energias que estiveram separadas de vocês por tanto tempo, elas se incorporam uma por uma, às vezes em grupos, todas chegando em busca de seu amor, de sua aceitação, de sua aceitação sem medos.

Sem mudanças, Shaumbra... não tentem mudar uma só coisa... porque iriam querer mudar algo do seu passado? Vocês o criaram. Estes aspectos estão se enfileirando... desfilando ao seu lado, inclusive neste momento... simplesmente esperando ver o sorriso no seu rosto, desejando saber que tudo está bem... desejando saber que não há animosidade em seus corações na direção de vocês mesmos ou para qualquer aspecto de vocês... desejando saber que vocês os abençoam, tal como o Espírito abençoaria... que vocês os liberam, não uma liberação com negação, mas uma liberação de total amor. Oh, vocês podem liberar algo somente quando o amam totalmente. Vejam, somente podem liberar algo quando o amam totalmente...vejam vocês.

Assim, todos esses seus aspectos do passado que estiveram esperando... todos esses aspectos que estiveram enterrados ou feridos... ou que se achavam em um estado de congelamento energético... todos esses aspectos que se achavam estilhaçados, fraturados... todos esses aspectos que eram negados, não amados... estão voltando neste momento de conclusão, enfileirados para a sua bênção... isso é tudo. Vocês também são Deus. Estas são as suas criações. Elas simplesmente querem suas bênçãos neste momento.

Tempos fenomenais os que vocês vivem Shaumbra! Sabemos que dizemos isto a vocês repetidamente, mas é que nos sentimos tão honrados em trabalhar com vocês. Nos colocamos em fila aqui, todos nós que estamos trabalhando com vocês – as energias de Quan Yin e Yeshua e María, Adamas, Ohamah, Kuthumi, todos nós – nos sentimos tão honrados de trabalhar com vocês... de certa maneira invejosos porque não podemos estar aí na Terra neste momento... rindo bem ao seu lado... desfrutando de todas as experiências... compreendendo quando vocês ficam irritados e bravos... compreendendo quando às vezes dizem, "Maldição, se vocês se sentem tão honrados porque não descem aqui e ficam no meu lugar (risadas da audiência). Honre isto, Tobias (Tobias está fazendo um “gesto”). Oh, eu penso que é da outra maneira (fazendo outro “gesto”) – honre isto!" Eu vi este sinal, e não foi computado, tal como vocês dizem. Não estou bem certo do que isso quer dizer, vou ter que perguntar ao Kuthumi.
Shaumbra, vocês estão chegando à época da sua própria conclusão. Eu sei, que às vezes parece ser difícil de compreender, que falta muito tempo ainda. Mas, não, de modo algum. Está aqui, bem agora – o momento da conclusão. Neste momento nos encontramos dançando com vocês no salão. Vocês já estão experimentando isto. Já está se integrando com vocês.

Ainda há vestígios do Velho que ainda estão assim presentes. E, isso é apropriado. Permitam que estejam com vocês. Vocês não estão tentando expulsá-los. Os vestígios do Velho são atemorizantes, os vestígios de vocês que temem a mudança... amem-nos, honrem-nos. Façam que eles saibam que eles podem ser liberados a qualquer momento em que queiram ser liberados. Façamos saberem que podem estar livres de qualquer estrutura que os esteja limitando.

Que tempo incrível o que vocês estão vivendo e que tempo incrível para os Shaumbra! Contamos a vocês lá por Agosto do ano passado que as coisas iriam mudar, as coisas iam ficar diferentes. E assim foram. Dissemos a vocês que iríamos trazer distintas entidades, diferentes anjos, para contar a vocês sobre o que está se passando. E fizemos isto.

E nós dissemos a vocês que estávamos nos preparando para fazer uma mudança. Que ia chegar o tempo onde não haveria mais a necessidade de processos. Vejam, já nem sequer há a necessidade da cura, porque é a ilusão de que há algo que tem que ser curado. Tudo é uma ilusão. Nós empregamos essas palavras porque vocês utilizam essas palavras. Mas, nós sabemos – e no fundo vocês também sabem – que não há nada que precise ser curado. E vocês dizem, "Mas, eu me olho no espelho e vejo um corpo que necessita cura. Eu sei que há uma mente que necessita de cura. Mas o que você quer dizer, Tobias, nada precisa ser curado?". Não há nada que precise ser curado. Há somente energia que procura liberação, bênção e resolução para que ela possa servir de uma nova forma. É assim, tão simples.

É tempo agora para a ação, para os Shaumbra, para o movimento de energia... Lembrem-se, nós dissemos que vocês seriam Sustentadores de Energia – Oh, um trabalho maravilhoso, mas também difícil. Vocês iriam passar de Sustentadores de Energia para Movimentadores de Energia. Vocês e suas consciências tomaram uma nova direção, e agora, que justamente estão sentados em suas cadeiras, chegou o tempo para começar realmente a movimentar energia. Nós estamos fazendo isso neste instante com vocês. Porque isso? Porque é que é tão fácil para nós fazer isto neste instante? É porque vocês se deram a permissão sairem fora de suas cabeças.

Oh, sim, nós dissemos a um grupo na Escola de Ohamah recentemente, "Vocês não podem se deixar levar pela sua cabeça; têm que usar seu coração. Vocês não podem pensar ou analisar. Vocês somente podem sentir”. Que coisa incrível... cinco dias só sentindo e não pensando!. Dentro de horas eles estavam preparados para matar uns aos outros (algumas risadas).

Shaumbra, isto é porque a mente estava controlando. Nós vamos lhes falar sobre isto hoje. Vocês deram a permissão para o controle. Os sentimentos tem sido bloqueados, escondidos, numa falta de confiança em como usar seus sentimentos.

Mas, vocês estão diferentes agora, em poucos breves meses até. Nós podemos perceber a diferença imediatamente ao olhar para vocês. Sim, inclusive aqueles que não se encontram fisicamente no salão, estamos vendo vocês sentados na sua sala de estar, sentados em sua cama, deitados em sua cama bem agora.

Vocês já não estão tão bloqueados, aí em cima, na sua cabeça. Vocês tem lentamente, seguramente e muito graciosamente permitido à si mesmos chegar a um sentimento de bom senso. Isto não tem a ver somente com emoções. Trata-se de sentir. É um estado de ser expandido, um conhecimento que é divino e não intelectual, um conhecimento ao que não podem determinar. Vocês querem... querem tentar analisá-lo... querem tentar verificar de onde vem o conhecimento. Não o façam! Não precisam fazê-lo. Vocês vão saber das profundezas do seu espírito de onde isto esta chegando – não de sua mente, mas sim da profundidade de seu espírito.

Assim, vocês estão fazendo a mudança. Vocês estão entrando em um novo tipo de equilíbrio, uma nova dinâmica atualmente – do coração... o que vocês chamam a energia do coração... a energia divina... combinada com a energia humana da mente... da análise... também do corpo... desta realidade. Tudo isto está se fundindo junto. Vocês estão chegando ao ponto agora onde estão deixando ir, quando estão se transformando no que verdadeiramente são. É difícil atravessar isto, é um processo difícil. Isto poderia parecer tão fácil, mas é difícil deixar ir aquela historia para vocês se tornarem quem vocês são.

E com tudo isto, Shaumbra, vocês estão chegando a um ponto aonde agora começa a diversão. Vocês agora já estão criando os veículos que vão permitir à vocês fazerem coisas que lhes tragam alegria, para permitirem que sua paixão se revele. Vocês estão criando os novos locais de encontro dos Shaumbra. Alguns de vocês estão criando livros, outros canções. Dentro em breve serão centros decura. Logo serão lugares de uma verdadeira aprendizagem mais elevada. Logo, serão lugares de cura, como nunca foram verdadeiramente praticados em massa, como um grupo na Terra... um centro que toma os atributos dos Templos de Tien... mas que os põe no seu momento do Agora... sem algumas das desequilibradas energias que estavam presentes nos Templos de Tien... mas com as completas essências de energia que encontrávamos lá... cura verdadeira que não requer força... nenhuma flutuação de mãos... nenhuma necessidade de mudar.

Imaginem uma cura, cura física na qual não tentam impor mudanças. Imaginem isto!. Este é o ponto em que os Shaumbra estão.

Alguns retiraram-se recentemente, tal como mencionou Cauldre. Alguns sentiram que – como dizer isto - a intensidade da Nova Energia era um pouco demais. E, pode ser. E, vocês sabem disto; vocês compreendem isso.

Mas Shaumbra, nós vemos que vocês estão movimentando energia neste instante. Nós vemos isso nas criações em potencial – as criações etéricas em que vocês estão trabalhando nos níveis interdimensionais – vemos que vocês estão combinando os potenciais que estão preparando para fazer baixar à Terra em breve. Mas, para fazer isto, precisamos tratar de algumas coisas com vocês hoje.

Precisamos falar a respeito de uns poucos elementos que iriam certamente fazer isto ainda mais gracioso, fazer inclusive que seja mais Nova Energia. Assim durante estes últimos meses, Adamas, também conhecido como Saint Germain, esteve falando a respeito da verdadeira liberdade da alma. A alma esteve presa em uma energia, presa na nave-Criadora de vocês. Ela esteve colocada em um molde, por assim dizer. Foi posta em uma gaiola. Agora chegou o momento para que ela saia.

Adamus veio e lhes falou a respeito de seu passado, quem ele era... sim, certamente... ofendeu a alguns. Mas, que coisa deliciosa é a de ser capaz de falar assim bem de sua história! Porquê estão envergonhados, Shaumbra, de falar ousadamente à respeito de sua história? Talvez tenham medo de que outros humanos possam sair correndo para o outro lado, que possam pensar que são arrogantes. Possivelmente, algum dia eles também aprenderão que coisa linda é falar também de suas histórias.

Os humanos tendem a continuar se batendo em si mesmos em relação às suas histórias. Comecem a falar bem a respeito de si mesmos. É uma coisa maravilhosa, mesmo se ninguém mais se importar ou escutar (algumas risadas).

Pelo menos vocês fizeram amizade com si mesmos. Assim, Adamas falou bem de sua história, e é uma história incrível... muito dela enfeitada, eu tenho de acrescentar (mais risadas)... e ele deu conta de muitas das arestas. Mas, seu ponto foi – tal como vocês já sabem – de despertá-los um pouco, de sacudi-los um pouco. Ele lhes contou a história de como esteve preso nesse cristal por 100.000 anos. E, tenho que lhes contar um pequeno segredo. Ele não se encontra aqui no dia de hoje, então posso dizer estas coisas. O tempo não é o que parece ser. Cem mil anos no exagerado estado de ser de Saint Germain, podem ser uns poucos minutos de tempo na sua realidade (mais risadas). Assim, entendam isso pelo que é.
Na verdade, isto traz o assunto a um ponto encantador. O tempo é uma realidade muito flexível. Muitos de vocês ficam apanhados nele. E, certamente vocês pensam que seu mundo tem que funcionar dentro dele. Mas, é muito mais flexível do que vocês pensam. Dois mil anos atrás, quando a maioria de vocês esteve aqui na Terra, o tempo era diferente do que é agora. Um dia não era um dia, como sabem agora. Um ano não era um ano.

Agora, os cientistas discutiriam isto. E eles diriam, "Nós temos provas científicas conclusivas de que isto é a forma que é. Isto é como o tempo opera." Mas, nós recordaríamos a esses mesmos cientistas que os que chegaram antes que vocês também sentiram que a Terra era o centro de todas as coisas. Estes eram os que pensavam que a Terra era plana. Estes eram os que tinham todo tipo de noções científicas que já não são válidas nestes dias e nesta era. Assim, da mesma forma, seus cientistas aprenderão que o tempo é muito flexível.

O tempo se acelera e desacelera nesta realidade, tudo ao mesmo tempo. Vocês se questionam porque alguns dias se sentem desequilibrados. Vocês se questionam porque alguns dias vocês nem mesmo sabem mais quem são, porque uma parte de vocês está tentando permanecer no Velho sinal do tempo que vocês colocam em seus pulsos. Enquanto a realidade está mudando, o tempo está diminuindo a velocidade e acelerando ao mesmo tempo. É uma coisa incrível, assim, Shaumbra, já não tomem mais nada como verdade absoluta. Não tomem nada mais como certo.

Adamas falou a respeito de como ele esteve preso no cristal e como tentou todos os meios que ele conhecia para sair de lá. Tentou sair por meio da força. Ele tentou gritar pela sua saída, implorar pela sua saída. Ele tentou sair psiquicamente. Ele tentou de tudo. E, finalmente ele se deu conta de que estava empregando somente as ferramentas da sua realidade. Ele tinha que ir mais longe. Ele tinha que viver mais à frente. Literalmente ele teve que expandir sua realidade básica, porque ele mesmo se colocou em um estado de ser limitado.

Seu cristal é tanto uma metáfora como uma realidade. Mas, era uma limitação, como cada um de vocês vive em um cristal neste momento... sim, vocês vivem. Vocês vivem em um lindo cristal chamado "humano". Vocês se acham dentro dele, se perguntando como ir mais adiante. Vocês tentaram escapar. Alguns de vocês inclusive tentaram terminar sua vida, pensando que isso os tiraria fora do cristal. Isto simplesmente os coloca em um cristal mais solidificado, isso é tudo.

Alguns de vocês tentaram pedir, emprestar, roubar, enganar, mentir para encontrar sua saída. Isso simplesmente faz com que o cristal fique um pouco maior, um pouco mais duro e um pouco mais brilhante.

Assim Saint Germain lhes falou sobre ir mais longe, viver mais à frente, tendo tal confiança íntima em vocês mesmos, de saber que vocês mesmos já se deram as ferramentas. Oh, as ferramentas não são ferramentas como vocês as poderiam considerar. Elas não são um método específico. Não é um tipo de cerimônia específica que vocês tem de executar. Não é uma palavra chave escondida... nenhuma destas coisas.

Trata-se de incorporar tudo. No momento em que vocês trazem de volta cada aspecto de vocês mesmos, e o abençoam e o amam, é quando vocês descobrem a chave. Enquanto houver partes e pedaços de vocês que se acham espalhadas por aí afora, parte de vocês, que vocês não amam, parte de vocês que estão presas em energia, vocês não serão capazes de ver o que já se acha bem aí.

Oh, e vocês vão se zangar conosco, e vocês vão gritar e vão dizer, "Tobias, isto é um tipo de truque. Você diz que isso se encontra aí, mas eu procurei por todas as partes". Se vocês procuraram em todas partes, olhem nas partes e pedaços que não são amadas, as que não são aceitas. O Fruto da Rosa, a paixão das paixões, é um total amor e aceitação. Oh, não estamos falando aqui de um amor intelectual, a não ser um verdadeiro amor de todo o coração, um verdadeiro amor de tudo o que vocês são.

Assim, Shaumbra, vamos conversar sobre uma das coisas que verdadeiramente, verdadeiramente os está retendo no passado atualmente. Não é uma grande coisa. Não é difícil ir além dela. Mas, está aí, às vezes tão perto, que vocês nem sequer a reconhecem; nem sequer a vêem.

É um assunto que falamos no final do nosso último encontro – o controle. Neste momento, um Criador que vive dentro da criação tem a tendência de querer controlar suas energias. Vocês querem controlar tudo a seu redor. E, pelo bem do nosso debate aqui no dia de hoje, não vamos nem pensar sobre vocês tentando controlar o mundo externo. Que é verdadeiramente mais manipulação. Vamos sim dar uma olhada no controle que estão exercendo sobre si mesmos. Nós sabemos que muitos de vocês se preocupam em controlar os outros. Mas, isso é
uma discussão totalmente diferente, e literalmente nem sequer ocorre quando não estão tentando controlar a si mesmos.

Assim, que tipos de controle existem? Há alguns muito óbvios, muito simples. Vocês tentam controlar seus pensamentos. Vocês tentam controlar seus pensamentos. Vocês pensam que não poderiam ter quaisquer maus pensamentos, por exemplo, porque então, seriam uma má pessoa. Vocês acrescentarão a isto – como diriam vocês – a poluição espiritual que está ocorrendo, o lixo etérico que está flutuando ao redor de tudo. Bem, isso é um maravilhoso, julgamento controlador por ele mesmo. Vocês tentam controlar seus pensamentos. "Eu não posso ter maus pensamentos, só posso ter os bons. Eu tenho que pensar coisas boas".

Deixem isso ir, Shaumbra. Tenham um mau pensamento neste instante (risadas da audiência). Vamos ter um feio, grande, um mau pensamento bem agora. Deixe-nos pensar em uma coisa realmente feia (mais risadas). Pensem algo mau. Oh, isto até faz vocês tremerem em pensar sobre pensar algo mau. “Oh, o que aconteceria se somos tão poderosos? O que aconteceria se todos pensarem algo mau e o teto desabar aqui?”.

Shaumbra, esse é um controle que vocês mesmos se impuseram e é possivelmente uma das coisas mais difíceis que vocês tem, trabalhando contra vocês neste momento. Vocês estão tentando controlar sua mente. E vocês literalmente estão enlouquecendo. Vocês colocaram sobre sua mente tanta carga e responsabilidade. E logo, tentam controlá-la. Vocês tentam controlar suas funções. E ela está constantemente tentando responder a vocês, está constantemente tentando servi-los.

Mas, isto está fazendo vocês sentirem-se muito frustrados e muito esgotados por causa dos controles que estão exercendo sobre ela. Vocês dizem coisas tais como, "Eu não posso dizer uma palavra feia, porque isso irá para "o lado ruim da balança”. E, o “lado ruim da balança” vai ficar tão cheio que pesará mais que o “lado bom” (risadas). Vocês pensam que nem sequer podem dizer a palavra "escuridão". Assim, vocês controlam. E o que vocês têm feito, é ter limitado a si mesmos. Vocês cortaram o fornecimento vital do fluxo de energia. Como podem vocês ser movimentadores de Energia quando isso não estiver fluindo?

Há aqueles de vocês que tiveram estas aulas e estes cursos de visualização. O controle é tudo o que isto é. Sim, foi maravilhoso. Amem isso. Amem ir à aula, e amem o professor porque lhes serviu. Mas, agora deixem ir esse controle. O visualizar é uma espécie de controle. Vocês pensam, "Eu somente posso visualizar uma boa Terra".

Vamos tomar um momento aqui e visualizar uma Terra muito má (mais risadas), muito poluída, bem invadida por seres traiçoeiros e controladores... Oh, é assim como está (mais risadas). Bem, vêem o que já criaram aqui! Vocês estão tentando controlar suas visualizações. Vocês estão literalmente tomando um belo tipo de condutor bem largo para o fluxo de energia, limitando-o a um fluxo muito pequeno.

É como o encanamento no lar. No inicio está aberto; está permitindo que as energias fluam através dele, não importando quão ruim seja o cheiro dessas energias. Mas, depois de um tempo, ele entope, e no seu interior o cano diminui, e diminui e diminui. E finalmente, chega um dia em que já não funciona de jeito nenhum. E logo vocês sabem o que acontece. Têm que chamar o encanador. É por isso que nós estamos aqui.

Shaumbra, vamos tomar um momento aqui. Agora, isto é um modo de vida bem à frente. Alguns de vocês podem não se sentir cômodos com isto. Vocês podem ir Deixem ir o Controle 10 embora neste mesmo instante se desejarem. Nós vamos visualizar. Nós vamos nos permitir a imagem de uma Terra muito escura e inóspita, para começar. Podem vocês fazer isto? Dói, sabemos. Mas, há mais nessa direção – uma Terra que está triste... uma Terra que está escura... uma Terra que está sofrendo... uma Terra onde existe o controle de uma pessoa para outra.
Vocês justamente agora se permitiram sentir ou imaginar uma realidade que existe. Há um aspecto do planeta Terra em que vocês vivem... atualmente há uma camada ou outra – tal como vocês diriam – uma dimensão onde isto existe. É um potencial. Isto não está sendo representado por atores na Terra. Está ambientado em algum lugar ligeiramente fora dos bastidores. Os atributos disto são trazidos para dentro deste lindo palco da Terra de vez em quando. Partes da tristeza, partes da escuridão e do sofrimento entram aqui. Mas, não é porque os humanos estejam visualizando isso. Não é porque os humanos estejam se focando
nisso. É porque eles estão selecionando elementos para experienciar.

O ponto aqui Shaumbra, é que vocês tentam controlar – não somente seus pensamentos – mas também seus sonhos, suas criatividades. Provavelmente por uma boa razão, já que há muito tempo aprenderam verdadeiramente o quanto vocês são poderosos. Assim, o que é que fizeram? Vocês começaram a controlar, em lugar de criar. Vocês começaram a limitar, em lugar de abrirem-se.

Vocês tentam controlar seu corpo. E logo ele os põe em problemas. Vocês tentam controlar sua aparência. Vocês fazem isto todo o tempo pela maneira que se arrumam, como se vestem. Vocês tentam controlar tudo deste aspecto de vocês. Tomem um momento, e por um momento tirem os controles. Deixem-nos ir.

Dêem uma olhada no seu verdadeiro ser, no lugar de somente aquela aparência que vocês vêem no espelho. Veja realmente quem você é. Alguns de vocês controlam e dizem, "Eu tenho que aparentar que sou um tipo bem elegante".

Alguns de vocês têm outro tipo de controle e dizem, "Não sou bonito absolutamente". Vocês estão controlando a si mesmos. Vocês estão definindo uma energia e logo acreditam nela, e se prendem a ela, e a mesma se prende a vocês. Vocês controlam seu aspecto. Oh, há um controle tão tremendo.

Vocês viram que Saint Germain falou a respeito da hipnose, os disfarces. Há controles tão incríveis em que vocês se envolvem. E, depois controlam-nos ainda mais longe dentro de vocês mesmos. Pois é assim, se vocês vivem de acordo com a indústria da moda... uma de minhas irritações favoritas. Em meus dias nós utilizávamos uma simples túnica. E possivelmente algum dia vamos voltar a isso.

Mas, há controles que vocês aceitam. Deixem ir esses controles. Façam como faz Cauldre – vistam-se pobremente um dia (muitas risadas da audiência). Ele previamente concordou em nos deixar dizer isto. Deixem de tentar controlar sua aparência externa. Algum dia levantem-se e vistam-se da maneira que desejarem, não da maneira que vocês se controlam para se vestir... vejam bem.

Vocês tentam controlar seu corpo. Vocês tentam controlar a biologia que está acontecendo. Vocês até fingem em alguns dias que se sentem bem, quando não se sentem bem. Vocês negam essas partes de vocês que estão doendo. Oh, de vez em quando entram em um colapso total, e então admitem tudo em um triste momento. Mas, Shaumbra, vocês tentam controlar seu corpo.

Vocês tentam forçar a cura de si mesmos e isso não vai funcionar, não onde vocês estão bem agora. A cura forçada não vai funcionar. Vocês estão tentando manipular o corpo. Ele sabe o que fazer. Vocês o desenharam de tal maneira.

Vocês são o Criador. Vocês são o engenheiro chefe. Vocês o desenharam de tal maneira. Seu corpo já sabe o que tem que fazer. Ele já não necessita mais do seu controle. Tirem os controles. Tirem-nos.

Vocês tentam controlar sua espiritualidade. E essa é uma das coisas mais difíceis. Vocês criaram todo esse assunto a respeito de seu ser espiritual, e isso é uma coisa linda. Mas, agora vocês tentam controlá-lo a respeito do que está certo ou errado. O ser espiritual diz que vocês podem comer somente certos alimentos ou fazer certas coisas. Tentem deixar isto ir. Tentem fazer algo – que vocês diriam – mau. Tentem ir pelo outro lado.

Vocês tentam controlar a imagem de Deus. Mas, tudo o que vocês estão tentando fazer é limitar a absoluta natureza de Deus. Vocês tentam controlar quem é Deus e o que é Deus. Mas, saibam... vocês não sabem. Vocês não querem saber pela cabeça; vocês simplesmente querem sentir e estar com o Espírito.

Vocês têm conceitos. Vocês se apóiam neles. Muitas vezes vocês falam a respeito de seus conceitos com amigos e a família. Vocês limitam a natureza do Espírito, em parte devido ao medo, em parte devido ao controle. Deixem ir os controles de Deus. Parem de tentar defini-lo. Simplesmente estejam na energia do Espírito. Vocês o controlam através desta coisa toda que vocês fizeram no passado, não tanto agora, mas inclusive todo este assunto a respeito de Deus e de Satanás, controlando a natureza do que pensam que é bem e mau.

Vocês controlam esta questão toda a respeito de sua própria abundância, sua abundância interior e exterior. E vocês dizem, "Há somente tanto. Eu somente tenho direito á tanto. Somente mereço tanto". Vocês controlam isso. Imaginem o que seria ser exageradamente ricos! Mas, entretanto controlam isso. Vocês pedem isso por um lado, mas, entretanto controlam.

Sua realidade atual está estabelecida em uma série de controles que exercem sobre si mesmos. Um dos mais divertidos é que vocês controlam tanto a si próprios, controle que nem mesmo deixam a vocês mesmos ficar com raiva.

Vocês dizem que são uma pessoa espiritual, "Deus não se zanga". Bem, Deus se zanga. Deus permite isso. Deus incorpora isso. Deus adora ficar zangado, mas isso não precisa ser manifestado das maneiras que considerariam como daninhas para outros.

Vocês tentam retê-lo. Shaumbra, façam algo durante estes próximos 30 dias. Tentem não retê-lo. Tentem dizer a alguém exatamente como estão se sentindo. Vocês tentam picar suas palavras. Vocês tentam controlar. Vocês dizem, "Bem, eu faço isto por amor". Mas, não é amor de nenhuma maneira. Vocês estão sufocando a si mesmos, e vocês estão literalmente sufocando essa outra pessoa.

Mas vocês dizem, "Tobias, agora se eu praticar tudo isto de uma só vez e sair fora de todos os controles, pode ser que simplesmente saia pela porta para fora e bata em alguém. Eu posso dizer algo a alguém que sempre quis dizer durante muito tempo, mas não o fiz por não querer magoá-los". De fato, que experiência maravilhosa... sendo honesto... sendo aberto... deixando que a energia flua sem restrições!

Vocês dizem, "Mas se eu tirar fora os controles, eu sei que irei correndo para casa, e irei assaltar a geladeira por causa de todo aquele chocolate... e todo o bolo... e toda a torta... e os biscoitos com gotas de chocolate... e possivelmente um copo de vinho para lavar tudo (certas risadas). Eu tenho que me controlar, Tobias. Eu tenho que me controlar, Tobias. Eu tenho que controlar meu corpo, porque se não fizer isso vai trazer todo tipo de comentários engraçados sobre mim. Socialmente tenho que ser polido. Eu tenho que... eu não posso deixar sair todos esses pequenos barulhos em público (mais risadas). Eu tenho que me controlar".

Shaumbra, vocês já não têm que controlar mais nada. Agora, esse é um grande passo. Esse é um passo gigantesco. Esse é um passo que a maioria dos outros humanos nem sequer pode imaginar. Mas nos encontramos nesse ponto agora.

Vocês podem deixar ir os controles?

O que são os controles? O que é o controle? Bem, é uma limitação da energia. É uma forma em que o ser interior literalmente está se segurando na sua identidade. Vejam, tal como já dissemos anteriormente, na Velha Energia cada identidade da entidade tentará se preservar a si mesmo. Sua história está tentando se preservar, ela mesma neste momento, o aspecto que está correndo em grande velocidade atualmente, dizendo "Tobias não sabe o que ele está falando hoje. Vou fingir deixar ir um ou dois controles, aqueles que eu não gosto. Mas, se nós deixarmos ir todos os controles, o que é que pode acontecer? Que idiotices poderíamos fazer com nós mesmos? Em que coisas nos transformaríamos em nossa vida? O que os outros diriam?" Nós temos que lhes dizer que eles já estão dizendo isso, assim não importa (mais risadas).

Controles são uma restrição da energia. Eles a limitam. Eles literalmente reduzem a velocidade da energia. Eles literalmente desaceleram o tempo. Eles confinam o espaço. Assim, que estamos vindo a vocês hoje, quando seus pedidos sobre a energia do seu Shoud é para dizer, "chegou o momento de deixar ir os controles". Agora, quando fizerem isso, as coisas mudarão. Adamas perguntou a vocês na sua última reunião, "Estão preparados para as verdadeiras mudanças? Estão preparados para confiar em si mesmos sem restrições?".

Vejam, quando vocês deixam ir os controles, isso é confiança. Vocês agora estão voando na confiança. Vocês estão operando em cada momento em pura confiança em si mesmos. Confiam tanto no Espírito e em si mesmos para deixar ir os controles metafóricos e os controles literais que vocês têm? Podem vocês deixá-los ir?

Agora, vocês vão lutar por eles. Vocês vão dizer, "Eu tenho que ter certos controles para fazer certas coisas". Nós vamos pedir que olhem para cada um deles. Realmente necessitam deles? Vocês vão dizer, "Mas eu tenho que ter um certo controle quando estou dirigindo o carro". Mas, tem mesmo? Mas, tem mesmo? Não vamos responder a esta pergunta agora.

Vocês vão dizer, "Eu tenho que controlar certas coisas a respeito dos meus processos. Do momento em que me levanto da cama, tenho que controlar o tempo, para poder estar no escritório quando é suposto que estarei". Quando é suposto que eu deveria estar! Quando é suposto você estar! Que engano... em que hipnose vocês caíram!

E, vocês dizem, "Mas, Tobias, se não chegar lá em tempo, então vou ser despedido. E, quem vai pagar minhas contas?" E, um outro controle com que acabamos de nos deparar, um controle que diz, "Eu tenho que trabalhar para pagar minhas contas". Em primeiro lugar, quem diz que têm que pagar suas contas? Quem diz que a abundância não chega de muitas outras formas que facilitam a adequada troca de energias que deveria ocorrer?

Mas, vejam, controles, sistemas de crenças, enganos, hipnose... eles os afetaram. O que vocês fazem a respeito deles? Amem no. Amemno. Abençoem no, e deixem no ir. Deixem no ir.

Como seria ter uma vida sem controlar tudo que os rodeia, sem tudo dessa energia, volumes de energias, que vocês utilizam para controlar? Sinto-me cansado de ver isto. Esta é uma das únicas razões, Shaumbra, pelas quais é difícil nos aproximar da sua realidade.

Algumas vezes temos que recuar devido ao volume de energia através da qual atravessam e a manipulação de energia que vocês fazem, é muito cansativo até na nossa energia. Não estamos separados disso. Estamos tão próximos de vocês.

Vocês consomem enormes quantidades de energia para viver em sua realidade debaixo da estrutura de controle que vocês têm, viver na sua realidade com suas ilusões, crenças e sua hipnose.

Nós lhes perguntamos um momento atrás, "Estão preparados para ir além da consciência de massa?" E vocês responderam, "Sim", a maioria de vocês. E estivemos trabalhando com isso desde então. Nós agora chegamos no ponto de dizer, "Deixem ir os controles". Certamente isto vai representar alguns desafios.

E, novamente nós vamos lhes recordar claramente. Nós não estamos falando a respeito de tentar controlar seu mundo exterior. Trata-se do controle que vocês têm sobre si mesmos. Nem sequer têm que se preocupar com o que poderiam chamar de controle do mundo exterior. Não comecem a correr através de como controlam sua família. Sim, vocês fazem isto, mas isso não é importante neste momento. Como controlam os seus amigos... isso é elemento secundário.

Uma vez que tenham deixado ir o controle sobre si mesmos, o resto das coisas são também liberadas. Se vocês tentarem começar a trabalhar do outro lado, em outras palavras, liberando o controle externo em primeiro lugar, isso simplesmente os esmagaria mais profundamente. Trata-se dos controles internos, o controle da mente, o controle de seus sentidos.

Vocês têm um controle tão preciso sobre sua visão neste instante, que não podem me ver. Eu estou aqui. Estou tão perto de vocês. Mas, vocês estão controlando seus olhos. E, à medida que avançam em seus anos biológicos, vocês tentam cada vez mais controlar sua visão. Vocês dizem, "Mas o tenho que fazer.
Tenho que trabalhar para pôr energia em meus olhos, de modo que ainda eu possa ler sem óculos, para que possa ver ainda à distância". Ou, realmente Shaumbra, talvez estejam enviando quantidades maciças de energia de controle aos seus olhos, e eles simplesmente estão gritando pedindo para ficarem sem controle. Possivelmente, vocês enxergarão um pouco embaçado no inicio quando deixarem ir o controle. Possivelmente os músculos irão relaxar um pouco; atualmente estão trabalhando de forma tão intensa. Mas então, vocês estão entrando em pânico, e dirão, "Oh, Tobias, você não sabe do que está falando. Eu deixei ir o controle e agora minha visão esta verdadeiramente embaçada". Mas vejam, possivelmente o embaçado ocorre antes de uma nova claridade que é baseada em uma visão multi-dimensional que se inicia... Vocês controlam todos seus sentidos de forma tão profissional, tão exata. Vocês tentam manter esse controle em um tempo neste momento em que não é apropriado mantê-lo.

Os pensamentos… verdadeiramente, Shaumbra, não estamos fazendo piadas aqui. Verdadeiramente, saiam e pensem em coisas realmente podres. Isto tem levado tanto tempo. Vocês necessitam desta celebração. Vocês têm que pensar "mau" durante um pouco. É como energia presa, fétida, que precisa ser liberada. Ela necessita do seu amor também.

Isto é provavelmente para mim uma das coisas mais divertidas sobre os Shaumbra – é seu compromisso total, sua dedicação total a este incrível trabalho que estão fazendo e que os tem conduzido a pensar que somente podem pensar "luz", e que não podem pensar "escuridão". Vocês somente podem pensar "bem", porque se pensarem "mau", certamente vão fazer o mundo explodir. Vejam, alguns minutos atrás lhes pedimos que pensassem "mau" a respeito da Terra. A Terra ainda se encontra aqui. Ela não explodiu.

Nós estamos indo além de um tipo de consciência e para um novo tipo de criação consciente de Nova Energia na qual vocês não têm que se preocupar com o que pensam. Estamos indo mais além da mente. Estamos indo mais além das limitações. Estamos indo para essa área da confiança. Estamos indo para essa área aberta, tipo Oeste selvagem, selvagem, do viver expandido. Mas, temos que tirar os controles. E vocês se controlam tão bem durante todo o
tempo... assim tão bem, cada mínima coisa. E, novamente, vocês se controlam – esqueçam o mundo externo – como vocês se controlam.

Vocês controlam tanto o seu dinheiro que isso de fato dói. Dói-nos observar isto. Nós rimos, algumas vezes choramos. Vocês controlam. Vocês acreditam que o dinheiro tem energia. Vocês o controlam. Vocês se fixam no seu talão de cheques, e vocês os controlam. Bem, dirão vocês, "Tobias, tenho que fazer.

Tenho que ter controle. Tenho que fazer o balanço de meu talão de cheques. E, tenho que cuidar de cada centavo. E tenho que me manter num orçamento”. É tão cansativo, Shaumbra, tão limitante, como tão anti-Criador, tão anti-Nova Energia. Parem de controlar seu dinheiro. Deixem-no ir trabalhar para vocês.

Tomem uns poucos dólares... atirem eles no chão (risadas). Verdadeiramente, vocês os têm tão amassados nesta sua bolsa ou nessa sua carteira. Às vezes dói para vocês abrir a carteira. Vocês pensam que toda a energia do dinheiro simplesmente os abandonará? Agora, quando deixarem de controlar, ele retorna à vocês de maneiras que nem podem imaginar.

Vocês dizem, "Mas não tenho a educação apropriada. Não tenho o conhecimento dos mercados financeiros". É tamanho controle que se impõem, tamanhas limitações que adquirem e que incorporam! A energia financeira é verdadeiramente uma das coisas mais fáceis que voltam a fluir.

E atualmente, estamos trabalhando intensamente com alguns Shaumbra para que façam isso. Vamos ter todo este auxílio dos Shaumbra, onde isso é um imenso pote de energia de dinheiro descontrolado que vai fluir para dentro e para fora.

Mas, vocês têm que deixar ir os Velhos controles, as Velhas crenças. Durante um momento pensem em algo mau sobre o dinheiro (risadas).

Verdadeiramente, Shaumbra, vamos lhes perguntar durante todo este mês, "Pensem algo mau". Sabemos que pode haver alguns que não compreendem de maneira nenhuma para onde nós estamos indo com isto. Eles são tão controladores a respeito de toda energia sobre eles mesmos. Eles pensam que quase sempre têm que pensar "bem". Eles sempre têm que ter os pensamentos mais sagrados e puros. Eles nunca podem pensar "mau". Vocês estão controlando a si mesmos se fazem isto. Você estão controlando a si mesmos. Vocês justamente têm limitado drasticamente a quantidade de energia que chega.

A energia não é mais do que potencial. Não tem uma assinatura nela. Não tem uma impressão vibratória nela até que sua consciência a traga para dentro da realidade. Vocês podem pensar em algo mau, escuro, inclusive horrendo. E, vocês sempre o fazem... simplesmente fingem que não o fazem... o que é outra forma de controle. Mas agora, podem fazer. Têm a permissão para fazê-lo. E, observem o que acontece. O escuro não é escuro. O mau não é mau. E a luz não é a luz tampouco. É um fluxo de pura energia divina... incontrolada, ilimitada, irrestrita.

Tirem todos os controles, Shaumbra, todos eles a respeito de vocês mesmos. Não controlem o dinheiro. Não controlem seu corpo. Não controlem o que comem. E, especialmente, não controlem o que pensam.

Não controlem o que dizem durante o próximo mês. Esta é uma verdadeira lição de casa. Não controlem isso e observem o que acontece. Oh, isso vai sacudir alguns! (mais risadas). Digam. E, quando disserem, vejam como se sentem.

Sintam o fluxo das energias através dele. Sintam quantos de vocês estiveram presos e abafados e escondidos durante tanto tempo.

Vocês estão tão atemorizados a respeito de deixar vocês mesmos se revelarem que controlam a si mesmos. Vocês estão tão atemorizados que possam ferir outra pessoa. Não podem. Confiem em mim, não podem. Vocês não podem ferir outra pessoa, não com a consciência em que se encontram agora. Esse é um atributo da Velha Energia. Sim, há ainda alguns humanos que podem se ferir uns aos outros e que podem ser feridos por outros. Mas vocês avançaram além disso.

Trata-se de permanecerem atrás da mureta. Observem o que acontece quando abrem sua boca sem restrições, sem limites. Oh, vocês temem isso. Vocês temem, "Mas, Tobias, algo vai sair de minha boca". Observem o que acontece. Sintam as energias. Observem a perfeição do que acontece. Deixem de controlar.

Alguns de vocês desejam que o Espírito fale dentro e através de vocês, mas ainda controlam isso. Simplesmente abram-se. Deixem que tudo se abra, Shaumbra. Vai ser uma experiência diferente. Vocês vão se dar conta de quanto estiveram restringindo, quanto estiveram bloqueando a si mesmos, quanto tiveram estas Velhas Energias limitando vocês.

Nós trouxemos um convidado mais cedo aqui, no dia de hoje. Queríamos que escutassem o que estava se passando. Nós quisemos que vocês sentissem a intensidade da energia dele. É o que vocês chamariam em seus termos psicológicos, o seu "ser paternal". O ser paternal esteve no salão, cercando vocês.

Agora, não estamos falando a respeito de seus pais literais, embora algumas vezes vocês identificam a energia arquetipica com eles. Mas, é seu ser paternal, a parte de vocês que diz, "Não faça isto. Não faça aquilo. Você vai se machucar se fizer isto. Não pode fazer aquilo. Estas são as regras. Tem que obedecer, senão..." Vocês têm essa matriz de energia edificada dentro de vocês, esse ser paternal.

E com toda franqueza, este ser paternal está cansado deste seu papel agora. Ele já não é mais necessário. Na Nova Energia, como um Humano Divino, vocês já não precisam mais do ser paternal. Vocês já não necessitam mais ao seu redor essa energia observadora, amorosa, mas controladora. A parte paternal vem aqui no dia de hoje para receber seus papéis, os seus papéis para partir. A parte paternal necessita que vocês conscientemente a liberem. E deseja ser liberada.

Ela quer retornar ao seu puro estado de ser divino. Já não deseja mais estar preso na energia controladora das regras paternais. Não há regras na Nova Energia. Não há controles para o lugar que nós estamos indo. Não há limitações sobre quem vocês são e do que vocês podem fazer.

Assim, Shaumbra, vocês trouxeram os papéis consigo. Vocês não sabiam, mas fizeram isso. Trouxeram-nos com vocês. Eles simplesmente precisam da sua assinatura. É necessário que vocês entreguem os papeis de liberação para o seu ser paternal. Eles no seu tempo serviram a vocês. Eles já transcenderam seu tempo com vocês.

Simplesmente imaginem-se, assinando, se assim escolherem para não ter mais sua parte paternal controlando sua vida. Eles acabaram com isso. Eles já não querem mais controles. Eles sabem que isso já não serve mais a vocês. A amorosa parte paternal de vocês, sabe que vocês já não necessitam mais dela. Assim, na hora em que estiverem preparados, simplesmente assinem. Deixem ir os controles.
E, de novo, esta é uma daquelas coisas. É a mesma coisa de que lhes falamos à respeito da confiança. Vocês não podem fazer somente um pouco. Chegou a hora de deixar ir todos os controles, os controles que têm sobre si mesmos, as limitações que impuseram a si mesmos.

Vocês inclusive estabeleceram esta maravilhosa ilusão que controlam, que diz que vocês não são tão jovens. Deixem ir esse controle. Mas, vocês dizem que se olham no espelho e vêem a idade. Deixem ir o controle. Isto já não lhes serve mais. Literalmente assinem estes papéis também. Digam, "Querido, controle da Idade, ser da Idade, eu assino te liberando. Eu o deixo ir”. Essa energia de controle que vocês têm… com que alguns de vocês verdadeiramente amam jogar… alguns verdadeiramente amam tentar supercontrolar… isso na pratica é como um tiro que sai pela culatra atingindo vocês fisicamente... é o controle que vocês têm sobre o seu gênero. "Eu sou um homem. Eu sou uma mulher". Vocês controlam essa energia. E, vocês já não são mais. Assinem esses papéis também.

Deixem ir a energia masculina limitada, ou a feminina. Você já não é mais uma mulher, embora possa parecer ser uma. Quando vocês tiram os controles, e dizem, "Oh, caramba!, sou uma mulher. Vai crescer pelos em mim nos lugares errados (risadas). Vou começar a ter aspecto masculino, ter uma voz grave como Cauldre". Essa é uma forma de controlar o controle. Deixem ir isso. Quem sabe... quem sabe... quem sabe vocês inclusive se tornariam mais femininas, belas, mas integrariam as energias masculinas que necessitavam para a força, as energias masculinas que necessitavam para o equilíbrio.

Deixem ir cada um dos controles, o controle que diz que vocês têm atualmente uma certa limitação física. Deixem ir esse controle. Deixem-se retornar ao estado puro do ser físico também. Quebrem os seus controles durante estes próximos 30 dias. Dêem uma olhada neles bem de perto – na maneira que vocês controlam sua vida. É impressionante. Vocês vão ter que comprar muitos, muitos, muitos blocos de papel (risadas) para anotar todos os seus controles. Novamente, não se trata de se preocupar com os outros. Não se preocupem à respeito de como controlam os outros. Isto naturalmente irá embora.

Ao que tudo isto leva, Shaumbra – a liberação dos controles, de deixar ir sua história, abençoando cada parte de você e deixando que as energias se tornem sem estruturas, se tornem livres e abertas – ao que isto leva é a algo especial a respeito do qual todos vocês irão estar falando e escrevendo e ensinando a outros. É chamada a "vida sincrônica", a "vida sincrônica dos Shaumbra ". O que é isso? É quando vocês já não têm mais controle na sua mente. Vem do seu conhecimento divino interior onde vocês não estão tentando controlar sua vida.

Vocês simplesmente a estão vivendo. A vida sincrônica é quando tudo verdadeiramente chega a vocês, cada energia que sempre possam precisar. Nós falamos sobre isto com antecedência. Isto tem sido um conceito. E, agora é o momento de transformar isto em realidade. Tudo esta repentinamente aqui. Vocês não têm que controlar isto para que chegue à realidade. Isso aparece para servir a vocês. A vida sincrônica está aí quando cada recurso e ferramenta e um pingo de energia está aí no momento apropriado, talvez não antes, mas sempre
no momento apropriado.

A pessoas… as coincidências… tudo se faz sincrônico. Simplesmente é. Inclusive desafia a explicação e certamente desafia a análise. Está mais à frente, fora do controle e agora está no fluxo. A vida sincrônica é aquela na qual tudo acontece tão apropriadamente, graciosamente e divinamente no momento, onde os temores do amanhã se foram, onde os remorsos do passado foram liberados. A vida sincrônica é onde tudo simplesmente aparece a vocês quase que do nada. A vida sincrônica, Shaumbra, é quando a resposta está aí antes que a questão tenha sido formulada. Essa é verdadeira sincronicidade. E isso é o que alguns de vocês estão começando a experienciar, e todos vocês vão experienciar. É quando está aí antes de sequer, sequer tenha surgido a necessidade. Essa é a vida sincrônica. Nós falaremos sobre isto na nossa próxima reunião dos Shaumbra.

Mas por um momento, tirem os controles. Sintam a energia da vida sincrônica... sua vida... sem controles... sem limitações... onde tudo está em um fluxo. Está fluindo a partir de vocês. Não está sendo estabelecido pelos outros. É o seu fluir. É sua divindade, verdadeiramente trazida à Terra, vivida na Terra. Vocês colocaram controles para a sua condição humana, porque tiveram que fazer isso. Recordem, há muito, muito tempo atrás quando vocês encarnaram na Terra, foi tão difícil manter sua energia neste planeta dentro da matéria. Vocês estabeleceram uma série elaborada de controles que os manteriam aqui, que os manteriam presentes na terra. Vocês estabeleceram esses controles. Agora chegou o tempo para liberá-los. Vocês não necessitam mais destes controles para manterem a sua energia totalmente presente aqui na Terra e em outros lugares simultaneamente.

Shaumbra, a jornada pode ser difícil às vezes porque vocês são os primeiros que estão passando por ela. A jornada é tão compensadora porque vocês são os primeiros. A jornada é tão sagrada porque os outros vêm depois de vocês, depois de vocês aprenderem a respeito da vida sincrônica, da forma sincrônica. Os outros vão cruzar a ponte também, e aprender o que vocês aprenderam do maior professor e do maior mestre de todos... de você.

E assim é!


Tobias do Conselho Carmesim é apresentado por Geoffrey Hoppe, vulgo "Cauldre", Golden, Colorado. A história de Tobias, do bíblico Livro de Tobit, pode ser encontrada no web site do Círculo Carmesim: www.crimsoncircle.com. O Material do Tobias é oferecido gratuitamente aos Trabalhadores da Luz e Shaumbra de todo o mundo desde agosto de 1999, época em que Tobias disse que a humanidade tinha ultrapassado o potencial de destruição e entrado na Nova Energia.

O Círculo Carmesim representa uma rede mundial de anjos humanos que estão entre os primeiros a fazer a transição para a Nova Energia. Enquanto eles vivenciam as alegrias e os desafios do status da ascensão, ajudam outros humanos em suas jornadas, compartilhando informações, atendendo e orientando. Mais de 50.000 visitantes vão ao web site do Círculo Carmesim todos os meses ler os últimos materiais e discutir suas próprias experiências.

Tradução para o português: Silvia Tognato Magini - Junho de 2005 - silvia.tm@uol.com.br

Fonte: http://www.projetoconscienciaeluz.com.br

Amigo (a) precisamos de sua colaboração na divulgação desse site a seus amigos. Muito obrigado e muita Luz em sua vida!

Palermo & Amigos

Atendimento em sessões individuais em Santos.
Av. Ana Costa nº 484 - cj 1020. Santos/SP.
Tel.: (13) 3289.1230



 
Se algum link do site não abrir fale comigo pelo email - estilonet@estilonet.com.br
Estilonet