MAGODALUZ

Casa da Luz
Cursos
Agenda
Atendimentos Gratuitos
Indicador Profissional


Fraternidade Branca
Mestres Ascensionados
Implantes
Cromoterapia
Chakras
Dimensões de Consciência
Manual para Ascensão
Corpo de Luz
O Rosto do Anjo
Kryon
O Caibalion
Atlantida
Crianças Índigo
Elementais da Natureza
Crianças Cristal
Mantras
Retornemos ao Básico

Canalização de Kryon, ao vivo, por Lee Carroll

Harrisburg, Pennsylvania, em 4 de Junho de 2005

Nota: a essência desta canalização foi recebida, também, nas cidades visitadas por Lee imediatamente após a sua visita a Harrisburg, incluindo Grand Rapids, Michigan e Dallas, Texas. Cada uma das canalizações foi especial para o grupo. Mas esta é a transcrição da primeira vez em que foi apresentada a canalização e contém esta energia. Ela foi complementada e melhorada por Kryon, por intermédio de Lee, em um processo de re-canalização sobre o texto da transcrição. Foi realizado desta forma para incrementar seu valor com relação à palavra escrita e para oferecer maior clareza aos conceitos que foram dados energeticamente durante as canalizações ao vivo.

Vocês não concebem a energia a qual chamariam de agradecimento, como uma emoção Humana que nós não temos. Temos algo que é muito mais elevado. Pensem no amor mais excelso que possam sentir – seja o que ele signifique para você – algo que faria saltar o seu coração fora do peito de agradecimento e grandiosidade. Agora o dupliquem, tripliquem e terão o que chamamos as emoções dos anjos.

Isso é o que sentimos pela humanidade, especialmente por aqueles que ocupam o seu tempo vindo escutar ou ler uma mensagem como esta. Induz-nos a lavar seus pés com urgência. Induz-nos a enviar-lhes sinais de que estamos aqui, e isto ocorrerá esta noite. Porque aqui, alguns estão prontos para curar-se. Ainda que nem sempre sejam aqueles que vocês pensam. A cura envolve muitas coisas: a cura da alma, das relações e do corpo. Por acaso não é tempo de estabilizar-se? Alguns de vocês sabem a que me refiro. Por acaso não é tempo de conter as vozes internas? Alguns de vocês sabem a que me refiro. Por acaso não é tempo de curar esse corpo? Alguns de vocês sabem a que me refiro... este pode ser um bom momento para fazê-lo.

Permitamos que a comitiva chegue a este lugar, porque é um lugar que eles já visitaram, anteriormente, muitas vezes (referindo-se à igreja onde se realizou a canalização). Aqui a oração é algo normal. Aqui a meditação é algo normal. Também é normal que neste lugar elevem as suas vozes em cânticos e seu coração em alegria. Por isso, é um bom lugar, como disse meu sócio, e foi aquecido para vocês.

Em verdade os observamos e dissemos que não é por acidente que estão aqui. Inclusive aqueles que vieram de muito longe, dizemos-lhes que esta mensagem é para vocês. Entretanto, não começaremos a mensagem neste instante, porque ainda não nos acomodamos. Bendito é o Ser Humano que sabe o que está acontecendo neste instante. Estão chegando energias a este lugar porque vocês assim pediram e permitiram. Isto vai muito mais além da sua lógica. Bendito é o Ser Humano que, com regularidade, suspende a sua lógica 3D e permite que Deus trabalhe em sua vida. Bendito é o Ser Humano que sabe quem é Deus, porque quando permitem que o Espírito trabalhe em sua vida, significa que estão conectados com o outro lado do véu e deixam que este trabalhe com vocês.

Dissemos muitas vezes que vocês não são o que acreditam ser. Vocês são eternos. Cada um de vocês existiu sempre e sempre existirá. Soa como a definição do Espírito, não parece? Todos vocês possuem desafios e lições que foram se desenvolvendo desde suas vidas no passado e, neste lugar, existe uma maioria de Seres Humanos que fingem que esta é a única vida que possuem; entretanto, eles são os que, de fato, semearam a Terra e, alguma vez, chamaram a si mesmos Lemurianos. Esses são os seres que se encontram neste lugar. E isto não é algo fora do comum, porque eles são aqueles que despertaram primeiro neste planeta de livre arbítrio. Passaram por uma prova e, agora, estão passando por momentos difíceis nos quais as luzes estão se acendendo muito lentamente, nos quais está havendo uma mudança de consciência, que está sendo comprovada primeiro em suas crianças. Estão fazendo o melhor que podem para refletir o que vêem e permanecer sintonizados com as mudanças que têm diante de si.

Permanecer conectados

Existem alguns pontos sobre os quais devemos lhes falar novamente e que estão relacionados com permanecer conectados – coisas sobre as quais falamos anteriormente, mas que devemos falar de novo. A realidade é a seguinte: existe um “encanamento” que está conectado diretamente com o Espírito. A única coisa que impede que o utilizem são suas crenças. Tão logo começarem a conectar-se, girando o registro metafórico, sintonizarão a vibração deste “encanamento”, girando a torneira. Assim se faz a conexão.

Quando isto ocorre, não estão se conectando com alguma fonte mais elevada. Esta é a forma como vocês a vêem. Sentem como se a tubulação viesse de cima, e não é assim. Provem do seu interior. É uma conexão interdimensional divina que vem desde o seu interior. Quando conseguirem a conexão com essa Fonte, compreenderão o que significa a Luz. Nesse instante começarão a receber a paz que não haviam sentido antes. Nesse instante a sua personalidade mudará e todos desejarão estar a seu lado. Não se transformarão em seres estranhos; ficarão equilibrados. Há uma grande diferença nisto.

Ah! Aqueles que se encontram nessa condição e que estão sentados aqui e também os que lêem isto, sabem do que estou falando... não existe nada que se assemelhe à visita da família e à sensação de estar no seu regaço. O que está acontecendo aqui vai muito além do que possam compreender. E vocês estão sentindo e desejam conhecer a razão disto. É algo que vai além da comitiva que se encontra aqui; vai mais além de lavar os seus pés... e é a presença daqueles que amaram e perderam. Eles também estão aqui.

Isso é assim porque todos vocês são eternos e negam! É possível que não possam falar com eles na 3D, mas certamente podem sentir o seu amor. E, talvez, consigam escutar em seu coração quando lhes dizem: “Tudo está bem. Estamos apoiando você.” Antes do término desta reunião, pediremos que orem uns pelos outros – para que possam enviar-se, de uma forma muito bela, energia divina interdimensional entre si.

Comportamento Humano Contrário à Intuição

Uma vez mais apresentaremos alguns atributos Humanos que são muito interessantes. Para expressá-los de alguma maneira, esses atributos Humanos deverão demonstrar-lhes com muita clareza que esta vida, que vocês chamam humana, é em realidade, algo a que não estão acostumados. Lembrem, vocês são anjos – seres divinos. É verdade, mas não acreditam e não podem ver. Permitam-me contar-lhes que, quando não estão isolados por esta dualidade, estão acostumados a ver um quadro muito maior que este. Mas aí está a dualidade, um véu, que lhes oculta a verdade de quem são, do que foram, e a forma real e verdadeira de ser.

Impede que vocês possam ver a maestria que existe em seu DNA e que espera sair para a luz. Impede todas aquelas coisas sobre as quais lhes falamos e lhes dissemos que são divinas. Isso é feito pela dualidade. Mas compreenderão a brincadeira quando lhes contar, em seguida, algumas coisas. Sentem-se incômodos porque não estão acostumados a serem Humanos! Por acaso pensaram nisto alguma vez? Passaram muito mais tempo sendo uma bola divina de energia, que vocês chamam angelical, do que passaram no planeta como Humanos. Inclusive os Lemurianos, que estão aqui desde o começo da Terra, passaram mais tempo sendo anjos do que seres da Terra. Isso é devido ao fato de que vocês não tiveram um começo. Vocês fazem parte do absoluto, que é atemporal e “vivem” em um circulo de existência que não é linear e não tem princípio e não tem fim. E assim, como vão nesse corpo Humano? Vejamos.

A necessidade de saber

Comecemos com o primeiro atributo. Por certo que é algo estranho para um ser sagrado do Universo. Os Seres Humanos possuem a apaixonada necessidade de saber sobre as energias que ainda não chegaram. E aqui estão, percorrendo um caminho, e vêem que se bifurca. De fato, podem ver a bifurcação e até conseguem ver um pouco do que lhes espera em ambos os caminhos e, por isso, não se sentem ansiosos com respeito ao que representam, mas não sabem qual devem seguir. E assim, o Ser Humano, com freqüência, fica consternado e se preocupa com o que se aproxima! Que direção devo tomar – a da direita ou a da esquerda? É a sua linearidade manifestando-se e o incômodo que lhes produz.

Repetimos novamente: a razão pela qual têm este sentimento é porque, na vida humana, encontram-se frente a um mistério. A melhor forma de explicar é com o exemplo de um trem: encontram-se em um trem linear. Vocês são o vagão do trem e a estrada é a sua linearidade. Em seu modo linear, vocês vão do seu passado ao seu presente e ao seu futuro, e experimentam suas energias uma por vez, à medida que estas invadem sua estrada. Portanto, sempre se perguntam o que acontecerá com a próxima energia, porque o trem permanece em um movimento constante passando através das aparentemente novas circunstâncias.

Agora, permitam-me levá-los ao outro lado do véu e contar-lhes sobre aquilo a que estão verdadeiramente acostumados. Imaginem o trem aí. Não há uma estrada. Todas as energias que existem sobre a estrada diante de vocês e atrás de vocês na 3D, agora se sobrepõem no centro, justamente sobre o trem. Assim, vocês poderiam dizer que podem experimentá-las todas ao mesmo tempo, e não existe nenhum mistério nisto. A isto vocês estão acostumados como criaturas do Universo, e denomina-se: “O Agora”.

Podem girar o vagão do trem para colocarem-se diante da energia com a qual desejam falar, uma por vez, se escolhem a forma linear. Entretanto, todas as energias do passado, presente e futuro se sobrepõem na metade do seu vagão e as podem sentir, todas ao mesmo tempo. Nenhuma delas guarda mistério algum, porque estão todas ali, ao mesmo tempo.

E é assim que, do outro lado do véu, vocês não têm problema algum com isto, mas quando se transformam em Humanos, as coisas se apresentam de forma linear e causam confusão. Em conseqüência, vocês sentem uma apaixonada necessidade de conhecer as energias que ainda não chegaram. Isto é contrario à intuição! Por que se preocupam com uma energia que ainda não chegou? A bifurcação no caminho, inclusive quando a vêem com clareza, representa mistério para vocês.

Bendito é o Ser Humano que compreende a paciência. É o Humano que permanece de pé em vez de preocupar-se. Segue até chegar à bifurcação do caminho sabendo que, somente quando se encontra nesse ponto, poderá tomar a decisão. Canta uma melodia durante o trajeto e seu coração permanece em paz até chegar na bifurcação. Nesse ponto, você se coloca na energia da escolha. Nesse instante, e somente então, recebe a mensagem do Espírito.

É a energia do instante, e a mensagem poderia ser uma intuição: “Vire para a esquerda!” “Essa é a conexão!” É o “encanamento” em ação. Os Seres Humanos sem conexão não intuem essas coisas. Continuam preocupados inclusive enquanto permanecem na bifurcação – a energia da escolha. Dizem “Vou tentar isto, ou aquilo? Gostaria que houvesse alguém que me orientasse.” Bem, há e se chama a “Conexão com o Espírito”. Significa abrir essa torneira que conduz ao Ser Superior, à fonte que contem a sabedoria e a verdade daquilo que vocês são na realidade.

Ensinamos a vocês algumas vezes como obtê-lo. Os humanos suplicam: “Amado Espírito, falas sobre fazer isto ou aquilo... como podemos obtê-lo? Como posso descobrir essa conexão?” Direi a vocês o seguinte: chega através da intenção pura. Deus sabe quem são. Deus sabe o que buscam. Quando começam o processo com a intenção pura, que expressa “desejo conhecer mais sobre isto”, receberão a ajuda que necessitam. A intenção pura é diferente da intenção passiva. A intenção passiva é: “Vou tentar isto, vou tentar aquilo e, se nada funcionar, tentarei algo diferente.” Essa é a percepção de uma mente que já tomou a sua decisão: “Não vai funcionar”. A intenção pura diz: “Amado Espírito, sei que vai funcionar porque faço parte de Tudo.”

Compreendem a diferença? Quando confiam em alguém mais para fazer algo muito importante para vocês, se preocupam. Quando agem por si mesmos, vão encontrar ali mesmo, frente a vocês, e não se preocupam. Por isto, quando se “apropriam” de sua divindade, na realidade vocês mesmos estarão fazendo o trabalho de Deus!

Medo do futuro

O número dois soará muito parecido com o número um: injustificado temor do futuro. Novamente, não estão acostumados a isto. Os anjos não sentem isto! Para poder ser um Ser Humano, colocam-se em uma estrada linear, uma energia de cada vez. O que vão fazer? Para onde ir? Muitos sentem medo. Na realidade não sabem o que vai acontecer, e a experiência positiva do passado não parece servir-lhes de ajuda. A intuição é contrária a tudo o que experimentaram anteriormente. Por exemplo, ontem, quando planejaram vir a esta reunião, a energia na qual se encontram agora fazia parte do seu futuro. E, assim, poderíamos dizer que estão sentados no seu futuro! Eu lhes pergunto: conseguiram desfrutá-lo até agora? (risos).

Ontem o que temiam? Simplesmente, desta maneira, estavam indo contra tudo aquilo que representa a intuição. Deve-se ao fato de que não estão acostumados com isto. Os Seres Humanos passaram a maior parte dos éons de tempo, inclusive antes da existência do universo, em uma situação de energias superpostas, que sempre estavam no agora. Não importa o número de vezes em que foram Humanos. Seguem preocupados por este trem linear. Não sabem o que vai acontecer e não podem vê-lo. Entretanto, desejam conhecer porque, assim, é como normalmente existe para vocês. Podem ver todas as possibilidade ao mesmo tempo quando estão do outro lado.

E assim, aqui vocês têm a mensagem para o ser querido que diz: “Estou pronto para seguir e posso ir a qualquer lugar”. Dizemos-lhes: vocês se encontram em seu doce lugar e não devem preocupar-se para onde vão. Porque quando chegar a energia, te empurrará e te levará para frente, uma vez que, até certo ponto, você está conectado com a sua própria divindade – quem conhece o quadro maior. Você tem a intenção pura e tudo está pronto e levou muitas vidas para chegar a este ponto. Pedimos-lhes para que tivessem paciência e a tiveram. E assim, agora é tempo para que celebrem sua falta de atividade e esperem pelas energias que virão... e chegarão.

Estar em um lugar correto e no momento oportuno começa com a intenção pura. Entretanto, haverá aqueles que dirão: “Estou perdendo meu tempo. O tempo corre. Não estou fazendo nada. Não sei o que fazer.” E, novamente, lhes repetimos: porque não cantam uma canção e permitam que aconteça? O Espírito sabe que estão aí e vê a sua luz, e lhes trará as energias daquilo que pediram. Assim tem sido no passado e seguirá sendo no futuro, porque estão no lugar correto.

Quantas vezes utilizamos o exemplo histórico, muito Humano, dos israelitas que percorreram o deserto durante 40 anos? Bem, utilizaremos outra vez. Recordam a história? Devem tê-lo percorrido em círculos, uma vez que o deserto não é tão extenso. Eles também o sabiam. E assim, visitaram lugares que já haviam visitado, com um líder que, na realidade, os conduziu durante anos por um círculo gigantesco. Também, todos os dias receberam alimento dos céus. Alguns afirmam que isto é uma metáfora. Não é. Existe ciência física que respalda a chegada de alimento proveniente do céu. Essas tribos foram alimentadas todos os dias, durante todos estes anos, visitando lugares que lhes eram familiares, porque estavam caminhando em círculos. Entretanto, cada dia se preocupavam com o amanhã! Inclusive ocorreram movimentos de separação dentro do grupo, que desejavam preparar-se para a contingência de que o dia seguinte não lhes trouxesse o que esperavam. “E se não acontecer?”, perguntavam-se. Faziam reuniões de comitê e sessões secretas de planejamento. “E se amanhã não acontecer? Onde vamos ir e o que vamos fazer se não chegar o alimento?” Mas o dia seguinte chegava e o alimento chegava e seguiam bem durante mais alguns dias... até que a parte humana apoderava-se novamente do controle.

Apenas imaginem, uma prova física diária durante uma geração ou mais. Os que nasciam não conheciam nada mais do que isso. Quando crianças, acreditavam que o mundo funcionava dessa maneira! Entretanto, a mente humana apoderava-se do controle e os “o que aconteceria se” prevaleciam e criavam ansiedade. Estamos falando dos eleitos daquele tempo. Historicamente foram os que necessitaram que os cuidassem. Bem, permitam-me contar-lhes quem são os eleitos deste tempo – estou olhando para eles, e estão lendo esta página! Estes são os Humanos que podem irradiar a sua Luz Divina e trabalhar em suas próprias vibrações e DNA e, de fato, mudar o planeta! Por essa razão estão aqui, queridos.

Também estão aqueles que pereceram recentemente neste planeta e que estão aqui observando-os. Dizem: “Construímos as bases para vocês.” Agora estão sentados a seu lado e dizem: “Faça com que a sua vida valha a pena, porque você se encontra em uma encruzilhada da história, a cruz, o ponto fundamental, a âncora da Nova Jerusalém. Você se encontra em uma posição de equilíbrio para criar a Terra Prometida.” É a mensagem que dou a vocês onde quer que eu vá. Não têm idéia da sua importância. Não têm idéia da importância de seus pensamentos, porque geram energia, sabem?

Incredulidade sobre a Verdadeira Fonte

Aqui vem o número três: Contrário a todas as possibilidades, vocês não acreditam na Fonte! E bem, isso realmente é contrário à intuição, uma vez que ela reside em seu interior. Mas é invisível. Quando falo da “fonte”, falo da essência que flui através desse sistema condutor metafórico. É uma conexão. Apesar de que podem ver os resultados, na realidade não acreditam na fonte. Para prová-lo, olhem ao redor. A Humanidade está empenhada em uma luta sobre o que é Deus, o que Deus deseja, e quem tem razão e quem está equivocado sobre o que é esta força invisível. Muitos estão tão fartos de tudo isto que, inclusive, nem sequer se preocupam de que sua consciência acredite que esteja aí. “Já não mais!”

Permitam-me apresentar-lhes um exemplo de algo que é interessante para nós que estamos do outro lado do véu. Demonstra a poderosa dualidade, e é contrária à intuição de seu interior. Em sua cultura, quando vão aos lugares onde preparam os seus alimentos, há uma pequena torneira ali... um pequeno aparelho na parede. E, como já vivem um tempo suficiente em sua cultura, sabem que, quando giram esta torneira, obtém água quase que ilimitadamente. É um recurso que chega através de um encanamento, mas seu sentido da visão não vê este encanamento. Apenas vê essa pequena torneira. Entretanto, essa pequena torneira lhes proporcionará água durante toda a vida, porque está conectada a uma grande fonte, de forma que nem sequer pensam nisto. Sempre funciona.

Quando acendem o interruptor da luz, não vêem os geradores elétricos que estão ali, dando-lhes eletricidade para que chegue a luz no seu lar. Não pensam nada disso. Vão ao interruptor e esperam que lhes proporcione energia sem limites. Esse interruptor é algo muito pequeno. Mas, uma vez que sabem o que é e a forma como funciona na sua realidade, obtém corrente elétrica ilimitada. Pensem nisto: todos os recursos que se encontram por trás desses pequenos artefatos são invisíveis, entretanto, seu conhecimento da 3D lhes permite confiar neles, porque sabem como funcionam”.

Agora, viajem comigo com a imaginação. Digamos que existe um Ser Humano que jamais viu uma torneira. Está bem, provem de outro planeta Humano. Deseja saber como funciona a sua cozinha. Vocês dizem: “Bem, isto é algo pequeno que está na parede e, quando você o gira, obtém água para que possa encher baldes e baldes e baldes. Apenas segue chegando e chegando e sempre o fará.” Continuando, dão a permissão para que ele gire a torneira e, certamente, flua água dentro do balde e ele se surpreende. Olha e sente-se emocionado e brinca com a água. Pergunta-se: “Que tipo de milagre é este em que um objeto tão pequeno manifeste tal abundância de uma substância necessária. Este é um processo que não compreendo.” Em seguida você fecha a torneira e vai embora.

Depois de algumas horas você volta e ele continua ali, sentado e olhando fixamente a torneira, claramente está ansioso e retorce as mãos.

“O que está acontecendo?” você pergunta.

“Tenho sede”, lhe responde.

“Bem, e porque não abre a torneira e bebe?”

“Porque não estou seguro de que voltará a funcionar. E se não o fizer, ficarei muito desiludido e também seguirei com sede.”

O que pensariam dessa criatura? Sacudiriam a cabeça e se afastariam? Pensariam: “Menino! Que problemas devem existir em seu planeta!” Bem, queridos, bem-vindos à Terra! (risos) Porque é assim que tratam a torneira de Deus! Temem abri-la, não é certo? Temem que talvez não funcione? Por acaso já aconteceu algo em sua vida que mostrou que funcionava e ainda temem utilizá-lo porque não acreditam que volte a acontecer? Por acaso estas coisas espirituais são muito estranhas? Certamente, intuitivamente as vêm como vinculadas a tudo o que temos explicado e ao que muitos têm experimentado, na realidade. Essa é a dualidade na sua máxima expressão!

Não julgamos vocês, queridos. Bendito o Ser Humano que atravessa a dualidade até onde chamamos A Ponte Inexistente, que é uma história dos ensinamentos de Kryon, relacionada com a parábola de um homem que teve que passar em um carro pelo abismo da confiança. Quando soube que a ponte não mais existia, de todas as formas seguiu adiante porque sabia que teria condições de atravessar. Não sabia ele que ali se encontrava uma nova ponte que somente conseguiu ver quando dobrou velozmente. De alguma forma, sabia que estaria ali.

Isso é o que lhes ensinamos. E dizemos isto: para alguns de vocês, essa dualidade jamais melhora. Em outras palavras: cada vez que se aproximam dessa ponte da confiança, enfrentam a dúvida. Por isso, se for um deles, dizemos a você que é bendito, porque está experimentando o desafio da dualidade e segue adiante de qualquer forma. Essa é a prova do planeta. Esse é o desafio. Não está acontecendo nada de errado com você se, diariamente se vê exposto à prova da dualidade com a qual concordou passar.

Ah! Sabemos quem está aqui e quem lê esta mensagem! Conhecemos as suas necessidades e dúvidas. E por isso lhe dizemos: em sua cozinha espiritual existe poder e sustento ilimitados. O que não sabe é que provem da família que leva o seu nome e que há energia em toda ela. Quando você abre a torneira, vai lhe chegar uma sabedoria que vai além da sua imaginação, ajudando-o a ver o que deve fazer em continuidade. Porque do outro lado do véu, a outra parte de você segue ali! Essa parte é o seu ser Superior. Dali provem a paz. Dali provem o poder.

Temor de Estar Só

Número quatro: como dissemos antes, os Humanos temem estar sós e perder o amor. Imaginem como seria se os colocassem em algum lugar do futuro. É tão distante que não conhecem ninguém e não possuem um único amigo no mundo. Ninguém sabe o seu nome. Não há sustento. Não recebem ajuda porque não há Ser Humano no planeta que saiba sequer que você existe. Não há quem os ame e os cuide, e aí estão sentados.

Quero desafiá-los a visitar esse lugar, porque lhes darei a verdadeira história: incontáveis entidades chamadas família os cercam a todo o momento. Sabem o que acontece em suas vidas; conhecem os desafios que passam, suas alegrias e seus temores. São incontáveis! Alguns de vocês tentaram enumerá-las, dar-lhes nomes e formas e, alguns de vocês, inclusive, lhes colocaram pele humana e asas e os desenharam e os chamaram de anjos. São muito mais que isso. Porque há um atributo que falamos há pouco, que diz que o encanamento divino está sempre aberto, mas não podem vê-lo. Vocês são lineares e desejam contá-los. Permitam-me perguntar-lhes o seguinte: quando abrem a torneira do chuveiro, quantas águas saem? Entendem?

Esse temor é contrário ao que sabem intuitivamente. Sabem com absoluta certeza que é assim! Desejam praticá-lo? Desejam sobrepor-se a esse medo de estar sós? Vão a algum lugar onde possam estar totalmente sós. E os desafiamos a que se sintam o mais sós que puderem e, em seguida, digam o seguinte: “Família, estão aí? Em nome do Espírito, os chamo para a minha vida, a este espaço de solidão, e desejo senti-los em minhas mãos.” E os vão sentir! Meu sócio pode senti-los agora – são como um formigamento (Lee mantém as suas mãos estendidas). Desafiamos alguns de vocês, neste mesmo instante, a senti-los sobre seus ombros. É essa sensação que tem existido sempre. Perguntam o que é? É o amor de Deus! É a família. Jamais estão sós.

Há uma sensação intuitiva de todas as coisas angélicas que vivenciaram antes de chegarem aqui. Mas a dualidade os faz acreditar que estão sós e o espelho confirma, mas somente na 3D. Demonstrarei o quanto é eficiente a dualidade. Quando Jesus, o Judeu estava sendo crucificado diante da cidade, ele sentiu necessidade da energia que permaneceu a seu lado desde que nasceu – a energia mestra que sempre esteve com ele – o “encanamento”. Ele a chamou e nada aconteceu. Então gritou: “Para onde foste? Porque me abandonaste? O que está acontecendo?” Esse homem estava atravessando uma outra mudança de vibração, estava passando ao nível seguinte. E nesse momento sentiu um silêncio momentâneo e ele viveu a noite escura da alma. Isso o sacudiu e a falta de conexão o surpreendeu.

É exatamente o que desejamos que sejam capazes de reclamar – uma conexão tão comum que seria como ligar a chave da luz e nada acontecer. Iriam surpreender-se! É assim confiável e bela esta conexão.

O Drama

O número cinco é a necessidade intrínseca, incorporada, que possuem alguns Humanos pelo drama. Bem, poderiam dizer: “Sou um Trabalhador da Luz, não necessito de drama! Bem, existem diferentes graus de drama, e todos vocês os representam até um certo ponto. Entretanto, aqueles que se denominam Trabalhadores da Luz, o reduzem ao que chamaríamos drama controlado. São aquelas coisas que acontecem para vocês, aquelas que estão bem para vocês, mas não para os demais. Segue sendo um pouco de drama.

Os Seres Humanos, com freqüência, necessitam criar ao redor de si atividades de energia que os distraiam de sua busca espiritual. Alguns têm tanto êxito, que se distraem por toda a sua vida. Alguns são muito bons nisto e vocês sabem que são. Existem muitos que agem assim mas também estão aqueles que dramatizam, e isso faz com que a vida seja muito interessante. Não é assim?

Muitos de vocês deixaram isto para trás e buscam a eliminação do drama de sua vida e compreendem que não podem controlar sua própria situação, mas se sentem assediados por aqueles que os rodeiam e que criam dramas. E vocês não os podem deter, uma vez que sempre estão aí! Alguns de vocês, inclusive, perguntam: “O que posso fazer com relação a este Ser Humano que se sente bem com isto?” Bem, permitam-me contar-lhes algo sobre este Ser Humano. Esse Ser Humano possivelmente é um Trabalhador da Luz que, nesta vida, fará todo o possível para não olhar para a sua espiritualidade. Faz parte de um mecanismo de defesa e, para eles, é intuitivo. E, dessa forma, criam drama e são muito bons agindo assim. Através de sua vida aprenderam a discutir, debater, confrontar e gostam disto. Esse drama é seu amigo. Creio que sabem das pessoas a que me refiro.

Todos têm alguém que se ajusta a essa descrição. De forma que, se são Trabalhadores da Luz que estão buscando sair fora disto, darei a vocês as palavras de um filósofo sábio – um Ser Humano: “Jamais lute com um porco. Primeiro te sujarás e, segundo, o porco gosta disto.” (risos)

Podem escolher lutar ou não. E, por isto, se você é daqueles que estão buscando eliminar o drama de sua vida, eu lhe digo: simplesmente desconecte-se. “Não é tão simples” você poderia me responder. “O que fazemos com as energias que nos são lançadas por este tipo de pessoa e com as situações que se apresentam a nossa volta, a cólera, o ódio, a desconfiança, a inveja, todas essas coisas?”

Este é um conceito que, possivelmente, não levaram em conta antes. Lembram do “encanamento”, a metáfora que mencionamos e que lhes envia informação e sabedoria divinas? Por que não pensam agora nele de forma reversa? Como se fosse um aspirador de pó divino! Examinará aquelas energias sugando-as, com o aspirador, para fora de sua energia. Possuem ao seu redor energias que desejariam que fossem aspiradas? Não precisam fazer nada exceto conectar a mangueira.

Meu sócio (Lee) vai a muitos lugares da Terra e ali se encontra também com os que vivem no drama, que não acreditam nele e no seu trabalho. Houve um momento em que seu coração ficou abatido pelas acusações e pelas idéias que tinham sobre Deus. Houve momentos em que sentia ansiedade e retorcia as mãos porque havia muita desconfiança e acreditavam que era um tolo. Muitos amigos o abandonaram e outros tentaram impedir totalmente o seu trabalho. Mas, quando iniciou a sua conexão divina e conseguiu que ela se tornasse pura, descobriu que o aspirador espiritual funcionasse verdadeiramente! E cada vez que se via rodeado por este tipo de drama, este era retirado. E deixou de sentir ansiedade e dor no coração. Começou a ver os antagonistas sob uma luz diferente e os amou. São Humanos; são Trabalhadores da Luz iguais a você; simplesmente não desejam seguir o seu caminho. Na sua maneira, trabalham seus próprios problemas para a sua própria divindade. E, dessa forma, ele vê a sua ansiedade e enfado e lhes envia energia para permitir-lhes sentirem mais paz. Já sabem, vocês também podem fazer isto. Pensem ao contrário. Não se trata de proteger-se contra aqueles que vivem o drama. Trata-se de amá-los com tal plenitude que não precisam dizer nada. Compreendem?

Ninguém Cuida da Loja

Ainda existem aqueles que pensam que ninguém está cuidando da loja. Bem, esta é uma metáfora que significa que vocês sentem que Deus está ali somente quando o chamam. Quando não o fazem, sentem que estão por sua conta até o momento em que meditam. Ainda não compreendem. A conexão, o encanamento, é um acontecimento que dura 24 horas. Vocês estão conectados quando sonham, quando tomam banho, quando dirigem. É um apoio que faz parte do seu processo de vida.

Desta forma ainda estão os Humanos que dizem: “Oh, não posso esperar a hora para contar a Deus o que me aconteceu hoje. O Espírito não vai acreditar! Passei por este desafio e pensei que poderia fazer isto e não foi assim. Logo recebi essa chamada telefônica que piorou tudo depois que “fulano” disse a meu respeito. E agora não sei, realmente, o que fazer. Tudo mudou desde a minha última meditação. Quase não posso esperar a chegada das dezessete horas para fazer a minha meditação e livrar-me disto que está no meu peito. Vou descobrir o que devo fazer.”

Alguns sentem que estão em um vazio e que Deus não tem nem idéia do que acontece em suas vidas. As coisas não são assim. Cada um dos desafios deve ser atendido no momento em que se apresenta. Nada existe, nada acontece em sua vida que seja desconhecido de Deus. A família permanece a seu lado. Quando recebem essa chamada telefônica, quando abrem essa carta, quando recebem notícias de um amigo, tudo isso é visto pela sua “conexão”. Sejam boas ou más notícias, sejam desafios ou alegrias, a família está ali, diretamente através do conduto, e está ali para enviar-lhes a sabedoria que vão necessitar para vencer a dualidade.

A Mudança

O número sete, o último, corresponde à mudança. É necessário acrescentar algo mais? Os Humanos não gostam de mudanças. Está bem, permitam-me dar-lhes algo em que pensar. O que diriam de uma mudança que curará o seu corpo? É boa? O que diriam de uma mudança através da qual lhes chegue a paz quando não conseguem senti-la? O que diriam de uma mudança que lhes traga respostas e as soluções para aquilo que não tem solução? O que diriam de uma mudança na Terra onde os palestinos e os israelenses chegam ao ponto no qual podem entrar em um acordo sobre algo e começar um processo que funcione realmente? É necessário apenas manter a energia do planeta na forma em que se encontra agora e acelerar a luz e as vibrações até o ponto em que essas coisas possam acontecer. E vocês são os aceleradores – todos vocês! Temem a mudança? É como o cozinheiro na cozinha que tem medo de fazer a comida! Nem sequer é lógico.

Neste lugar existe uma alma de grande valor que veio para receber a cura e você sabe quem é. O quanto você se sente forte hoje, Trabalhador da Luz? Acredita que esteve ocorrendo algo neste lugar? Pode sentir as entidades que o cercam? Agora seria um bom momento. Desejo que tomem as suas energias e sustentem este homem com amor. Desejo que o vejam com uma longa vida. Todos juntos. Pratiquem agora. Criem uma bolha verde de energia para poderem equilibrá-lo o suficiente, como para falar com a sua estrutura celular e eliminar o câncer de seu corpo. Não lhes pediríamos que fizessem isto se não fosse possível. Vocês podem controlar seu sistema imunológico, podem controlar a doença. Desejam desempenhar um papel em seu futuro, por que não o fazem agora mesmo? (silêncio).

Quando fazem isto, existe um cortejo de bilhões que vê a sua intenção pura e atua junto com vocês. Tudo depende dele, mas você é o catalisador que equilibra este tipo de coisas sobre o planeta, para a Nova Jerusalém deste planeta; para a estrutura celular de vocês. Se deseja gerar uma diferença neste planeta, cuide de você mesmo. Comece o processo de conectar-se e tornar-se mais angelical e recorde-se do que se trata. Não tema o futuro, aproxime-se da encruzilhada. Prepare-se para uma viagem sem ao menos saber para onde se dirige, querido, e tenha a confiança de que, quando chegar o momento da viagem, a nave chegará.

E assim é que, esta noite, lhes demos sete atributos da humanidade. Algo com que os anjos têm problemas quando existem como Humanos. Chama-se dualidade. Se alguma vez você se pergunta porque em algumas ocasiões você teme as coisas sobre as quais falamos, apenas repita para você: “Oh, sim, lembro”, porque as coisas não são assim do outro lado do véu. Jamais vão se acostumar a elas porque vocês são divinos.

Estive ali quando nasceram. Estive ali quando se inclinaram e deslizaram através do vento do nascimento. Na ultima entrevista que tiveram do outro lado do véu, antes de vir, lhes foi perguntado: “Está certo? Realmente você deseja? Está pronto para ir de novo?” E vocês responderam: “Sim”. E aqui estão escutando e lendo.

E assim é que lhes dizemos: bendito é o Humano que compreende a conexão, que se esforça por obtê-la, até o grau que seja possível obter, porque eles serão os mestres do futuro. Normais. Mansos. Todos mestres do planeta.

E assim é.

Kryon

Tradução para o português: Eleonôra

Fonte: http://www.kryon.cjb.net/

Amigo (a) precisamos de sua colaboração na divulgação desse site a seus amigos. Muito obrigado e muita Luz em sua vida!

Palermo & Amigos

Atendimento em sessões individuais em Santos.
Av. Ana Costa nº 484 - cj 1020. Santos/SP.
Tel.: (13) 3289.1230



 
Se algum link do site não abrir fale comigo pelo email - estilonet@estilonet.com.br
Estilonet