MAGODALUZ

Casa da Luz
Cursos
Agenda
Atendimentos Gratuitos
Indicador Profissional


Fraternidade Branca
Mestres Ascensionados
Implantes
Cromoterapia
Chakras
Dimensões de Consciência
Manual para Ascensão
Corpo de Luz
O Rosto do Anjo
Kryon
O Caibalion
Atlantida
Crianças Índigo
Elementais da Natureza
Crianças Cristal
Mantras

Sofrimento & Evolução

Como poderemos curar às pessoas que nos cercam, sem curarmos primeiro a nós mesmos?

A nossa cura está centrada no processo de expulsão, de tudo que não há mais interesse em nossas vidas. Na eliminação ou limpeza energética, de tudo o que é denso, do que nos prende às dimensões inferiores, do que provoca em nós as nossas lamentações e as nossas dúvidas.

Esse processo é condição fundamental se quisermos abrir os nossos corações apenas à Luz que existe em cada um de nós. Mas para isso precisamos nos permitir uma limpeza profunda, relacionada a eliminação dos nossos apegos ao sofrimento.

Todos nós, de uma forma ou de outra, em determinados momentos de nossas vidas, ainda acreditamos no sofrimento como uma forma de evolução. Isso acontece em função dos infinitos dogmas que permitimos que se instalassem em nossos corpos espirituais, no decorrer dos muitos milhares de anos que aqui estamos. Enquanto mantivermos essa idéia no nosso mais profundo inconsciente, estaremos atraindo todas as espécies de sofrimento para nós mesmos. Continuaremos confusos, com nossa fé fragilizada e nossa determinação enfraquecida.

Carregados dessas densidades, como podemos interagir com o novo estando confusos? Como responder às questões que surgem a cada instante em nossas vidas, se absorvidas de forma confusa, por um corpo emocional confuso?

O momento atual nos permite e facilita essa limpeza. Estejamos concentrados e trabalhemos dentro de nós a repulsa e a desintegração dos nossos problemas relacionados à culpa, não dando a eles tanta ênfase como o fazemos a cada instante. Pois, na medida que os desvalorizemos, eles se tornam menores. Teste isso em você. Não custa nada.

Assim agindo, estaremos nos estruturando e aí sim poderemos avançar mais, ampliando a nossa possibilidade de mais auxiliarmos do que sermos auxiliados.

Nossos canais de comunicação e contato com o Plano Maior estão ainda bastante interrompidos, e a parcela que se encontra aberta, ainda está muito contaminada em função da densidade criada por tanto sofrimento injustificável.

Precisamos nos desapegar da crença ainda viva em nós de que o sofrimento é o veículo da evolução. Isto já não é mais verdade nesse planeta. Isto pode ser verdade para outros sistemas planetários que se encontram hoje nos níveis que a Terra se encontrava há muitos éons atrás. Se quisermos efetivamente estar alinhados com as novas freqüências vibratórias, eliminemos definitivamente essa idéia de nossos corpos físicos, mentais e emocionais, repetindo tantas quantas vezes forem necessárias: EU NÃO SOFRO, EU NÃO ACREDITO NO SOFRIMENTO COMO FORMA DE EVOLUÇÃO.
Escrevamos isso, se necessário... “EU NÃO ACREDITO MAIS NO SOFRIMENTO COMO FORMA DE EVOLUÇÃO.” Leiamos e releiamos isso tantas vezes quantas forem necessárias, para que essa idéia possa ser introjetada nos nossos corpos, para que ela possa permear os espaços e substituir a nossa memória celular do passado.

Quer saber qual é a causa dos nossos males físicos? É esta: nós ainda acreditamos no sofrimento como forma de evolução, inconscientemente nós acreditamos que somos “culpados” e que a única forma de pagarmos pela “culpa”, é sofrendo. Mas não existe culpa, pelo simples fato de não existir erro, pois, tudo em nossa vida é aprendizado. Podemos entender isso agora ou um dia... quem sabe. Por que não agora?

Eliminemos esse engano gravíssimo. Excluamos definitivamente essa crença de nossas vidas, acreditemos no belo, tragamos o belo às nossas vidas, ouçamos a boa música, respiremos o ar, alegremo-nos com a vida.

Desgrudemo-nos agora, de toda a densidade trazida e atraída pelo sofrimento. Enquanto não nos tornarmos livres pensadores, seremos prisioneiros de nossas culpas sem sentido e do nossos conseqüentes medos, continuando a estar alheios, portanto, àquilo que realmente somos... Luz!

Muita Paz e muita Luz

Amigo (a) precisamos de sua colaboração na divulgação desse site a seus amigos.
Muito obrigado e muita Luz em sua vida!

Palermo & Amigos

Assumindo a nossa imortalidade

Construindo um Ideal  

Interior & Exterior  

Paz  

Cansaço  

Sacrifício e Sofrimento  

Recuperando nossa Mente  

Quinta Dimensão  

Religiosidade e Religião 

Pensamentos e Palavras  

Realidade ou Ilusão  

Não basta viver! 

Ambição  

Eu quero ser eu mesmo!  

Ponto de partida

Tempos de mudanças

Faça tudo diferente

Não fazer planos

Ansiedade

Agora

Reforma Comportamental

Amor

Culpa

Determinação

Merecimento

Eu sou!

Autoestima

Saber acordar

Luz e Escuridão

Nosso medo

Compromisso

O Caminho

Momento Certo

Leveza

Muitas Moradas

Não estrague seu dia

Ação e Reação

A escolha é sempre Nossa!

Reciprocidade

Vício

Paz Profunda

O Pai e o Filho na Montanha

Amar primeiro

Semeia, semeia!

Semear

Penas no caminho

Revolução da alma

Humildade para Aprender

O viajante

Você que veio das Estrelas

O que as mulheres querem?

Pastel, guaraná e Deus

Segurando um ao outro

Partida e chegada

Tem pão velho?

O homem perto da janela

O Momento é de Cura

Quem somos nós?

Autoestima 2

Seres Evoluídos

Somos dois seres  

Amor, sonho e medo

Esvaziamento de Carma

Começa a Magia

Livre Arbítrio  

Páscoa e Chocolates

Lei da Abundância 

Água  

Sofrimento & Evolução

Verdade

Carma

O velho contra o novo

Atendimento em sessões individuais em Santos.
Av. Ana Costa nº 484 - cj 1020. Santos/SP.
Tel.: (13) 3289.1230



 
Se algum link do site não abrir fale comigo pelo email - estilonet@estilonet.com.br
Estilonet